Ira: 30 anos Vivendo e não aprendendo no RJ

Ira - virada cultural 2014Depois da volta triunfante aos palcos, eles estão de volta ao Rio para comemorar os trinta anos de um dos discos mais clássicos do rock Brasil. Dia 25 de junho, o CIRCO VOADOR traz IRA! tocando na íntegra o álbum “Vivendo e Não Aprendendo”, além de seus maiores hits. E na abertura, o bardo punk brega WANDER WILDNER!

Estávamos com esse show marcado quando nos tocamos que vários discos fundamentais do BRock foram lançados em 86: o ‘Dois’ da Legião Urbana, o ‘Cabeça Dinossauro’ do Titãs, o ‘Selvagem’ do Paralamas e o ‘Vivendo e Não Aprendendo’ do IRA!. Não tinha como não sugerir que eles tocassem esse disco aqui.

‘Vivendo e Não Aprendendo’ é um daqueles álbuns que fazem a diferença na sua vida. Não à toa foi o trabalho de estúdio deles que mais vendeu e com o maior numero de hits. Tá tudo lá: ‘Envelheço na Cidade’, ‘Flores em Você’, ‘Pobre Paulista’, ‘Dias de Luta’ e ‘Vitrine Viva’. Se teve um disco que afirmou o IRA! como  uma das maiores bandas de sua época, foi esse. O mais legal é que nada do discurso dos músicos nesse disco ficou datado. Ao contrário de outros de sua geração, o IRA! se manteve coerente com a sua temática original, passando ao largo de modismos e discursos oportunistas para focar em algo pelo qual todos passamos, independente da época, o crescimento. E a partir desse disco, o grupo e seu público cresceram. E como!

Seguro de sua popularidade, o Ira! não parou de cometer clássicos – do universo revisitado do cinema novo com ‘Rubro Zorro’ e ‘Pegue essa Arma’ ao romantismo adulto de ‘Tarde Vazia’ e ‘Eu Quero Sempre Mais’ – até dar uma parada em 2007. Nesse meio tempo, Edgard Scandurra emprestou seu talento a artistas como Arnaldo Antunes e o vocalista Nasi enveredou pelo blues em seu trabalho solo e também estreou seu próprio programa de TV.

Mas a banda fez falta e os fãs não os deixaram em paz até que fosse anunciada uma volta. E assim foi! Em 2014, Nasi e Edgard Scandurra, acompanhados por Daniel Scandurra, no baixo, Johnny Boy, nos teclados, e Evaristo de Padua, na bateria, voltaram aos palcos com energia renovada. Resultado: ingressos esgotados e resenhas consagradoras por todo país, culminando com a crítica do jornal o Globo, que coloca o show do IRA! como um dos dez melhores daquele ano, ao lado de  Arctic Monkeys e Arcade Fire.

E para abrir a noite, o Circo convidou uma atração especialmente fodona. De Porto Alegre, onde liderou Os Replicantes e se tornou uma das mais emblemáticas figuras do rock brasileiro, WANDER WILDNER E SEUS COMANCHEROS lançam o disco ‘Wanclub’, onde regravou sucessos como ‘Eu Não Consigo Ser Alegre o Tempo Inteiro’, ‘Eu Tenho Uma Camiseta Escrita Eu Te Amo’ e ‘Bebendo Vinho’, gravada pelo IRA! Será que além de tudo ainda rola um dueto?

Ira - tour 2014

Serviço: IRA! – 30 anos
Abertura: Wander Wildner
Data: Sábado, dia 25 de junho de 2016
Abertura da casa: 22h
Capacidade: 2.000 pessoas
Classificação: 18 anos (de 14 a 17 somente acompanhado dos pais)

Ingressos:
R$ 60 (meia-entrada para estudantes, menores de 21 anos e maiores de 60 anos)
R$ 60 (ingresso solidário válido com 1 kg de alimento)
R$ 60 (cliente Odeon que apresentar ingresso de algum filme do cinema ou cliente Sou + Rio)*
R$ 120 (inteira)
*O desconto é válido apenas para ingressos comprados na bilheteria do Circo. É necessário apresentar o ingresso Odeon/Voucher Sou +Rio no ato da compra.

Bilheterias: terça à quinta: das 12h às 19h; sexta: das 12h às 24h (exceto feriados) e sábado a partir das 14h.
Web: www.ingressorapido.com.br

(Visited 21 times, 1 visits today)