Ghost – 20-09-2023 – São Paulo (Espaço Unimed)

Texto por Evanil Jr – Fotos por Rafael Strabelli (Espaço Unimed) – Edição por André Luiz

Um verdadeiro espetáculo. Assim podemos resumir o que foi a apresentação do Ghost em São Paulo. A banda sueca, liderada por Tobias Forge, ou melhor, atualmente Papa Emeritus IV, retornou ao Brasil nos dias 20 e 21 de setembro e apresentou para quem esteve no Espaço Unimed um show grandioso, com seus hits e boa performance. Poderíamos dizer que, tratando-se de Ghost, quase uma missa.

O show de abertura ficaria por conta da banda Crypta, porém no dia 20, devido a um problema de logística o qual, segundo o próprio Tobias, quase impediu inclusive o show do próprio Ghost, fizeram com que a apresentação fosse cancelada. Fernanda Lira se manifestou em seu perfil no Instagram sobre o cancelamento naquele mesmo dia e durante um momento, quase ao final do show, o vocalista do Ghost exaltou a banda que deveria abrir para eles naquele dia – no dia seguinte, a Crypta conseguiu fazer seu show normalmente, conforme programado.

As 21h, os PA’s do Espaço Unimed passaram a executar cantos gregorianos distintos – “Klara stjärnor” de Jan Johansen e “Miserere mei, Deus” de Gregorio Allegri –, o que anunciava que Papa Emeritus IV e seus Nameless Ghouls estavam próximos de iniciar seu ritual. Por volta de 21h10m, iniciou-se a intro “Imperium” enquanto os Ghouls subiam ao palco, para logo em seguida, ao som de “Kaisarion”, Papa Emeritus surgir com seu, podemos dizer, pomposo paletó dourado.

Sempre dentro do personagem, a interação com o público foi constante, afinal, a última aparição do Ghost no Brasil ocorreu há quase seis anos atrás. Em um dos vários hits que possuem, “Cirice”, Papa Emeritus surgiu com asas de morcego, levando o público a erguer seus celulares para registrar o dado momento. Aliás, difícil era escolher o que registrar, afinal de contas, o backdrop do palco, bastante bonito por sinal, imitava vitrais pintados de igrejas com imagens do próprio Papa.

A primeira aparição de Forge trajado como Papa aconteceu um pouco mais adiante no show, para a música “Call Me Little Sunshine”, do ‘Impera’, último álbum completo do Ghost, lançado em 2022. E, logo em seguida, em “Con Clavi Con Dio”, de 2010, Emeritus retornou ao palco com um turíbulo, equipamento usado pelos padres para incensar e “abençoar” todos ao redor – aliás, era o que mais o Papa Emeritus fazia, abençoava cada um dos presentes, música após música.

Na música seguinte, “Watching In The Sky, o vocalista surgiu com vestimentas negras e portando uma cartola (um pouco mais informal para sua posição como Papa), porém, em um dos pontos altos da “missa”, foi entoada a intro da música “Year Zero”, e ele reaparece novamente “papal”, usando estola de caveiras – adereço usado por padres sobre a túnica, parecido com um cachecol, no qual cada cor representa um tempo. A performance foi seguida pela intro “Spöksonat” e “He Is”, praticamente um hino do Ghost. Durante a faixa instrumental “Miasma”, um dos Papas anteriores foi ressuscitado para tocar o solo de saxofone e devolvido à sua urna transparente logo a seguir. Afinal, quem mandava no palco era o Papa Emeritus IV, antigo Cardinal Copia, ungido ao alto escalão.

“Mary On A Cross” foi uma das músicas mais cantadas pelo público, canção a qual viralizou recentemente no TikTok, seja explicando seus trocadilhos fonéticos, simbolismo ou apenas pelo motivo de alguém achar legal e postar dançando a mesma. E foi seguida por “Mummy Dust”, com uma chuva de papel picado no Espaço Unimed. Durante o discurso que antecedeu “Respite On The Spitalfields”, Tobias assumiu que a banda realmente ficou muito tempo sem vir ao Brasil e precisava mudar isto – a reação do público presente na casa de shows paulistana evidenciou que estes adorariam um retorno ao país com menor intervalo de tempo.

Após intervalo rápido, os músicos retornaram ao palco para agitar o público pela última vez, executando “Kiss The Go-Goat”, “Dance Macabre” e finalizando com a clássica “Square Hammer”. Papa Emeritus e seus Nameless Ghouls cumprimentavam os presentes e deixaram o palco ao som de “Sorrow In The Wind” (de Emmylou Harris) nos PA’s do Espaço Unimed.

Pelas filas vistas nos stands de merchandising ao final do show, era nítido como o show foi fantástico, deixando o público satisfeito com o que haviam presenciado. Nos resta esperar quais surpresas o Ghost nos reserva e que, como Tobias comentou, não demorem tanto para retornar ao Brasil (agradecimentos à Move Concerts e Midiorama).

Set List Ghost:
Imperium / Kaisarion
Rats
Faith
Spillways
Cirice
Absolution
Ritual
Call Me Little Sunshine
Con Clavi Con Dio
Watcher In The Sky
Year Zero
Spöksonat / He Is
Miasma
Mary On A Cross
Mummy Dust
Respite On The Spitalfields

Kiss The Go-Goat
Dance Macabre
Square Hammer

(Visited 153 times, 1 visits today)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *