Válvera: lyric video do single Born In A Dead Planet

Fonte: JZ Press

‘Cycle Of Disaster’, novo álbum dos paulistas do Válvera, está prestes a ser oficialmente no dia 28 de agosto via Brutal Records (EUA e Canadá), Proper Music (Europa) e Voice Music (Brasil), e nada mais oportuno do que lançar mais um single antes dessa data. O primeiro lançado foi “Glow Of Death” e agora a banda solta “Born In A Dead Planet”.

“Born In A Dead Planet” é uma faixa que fala de um dos maiores problemas dos tempos modernos, não só no Brasil mas em âmbito mundial, a destruição do meio ambiente. No Brasil, estamos tendo catástrofes cada vez maiores, nosso clima está em constante mudança, rios extremamente poluídos, vazamento de petróleo, altos índices de gás carbônico enchendo os pulmões da população, a Amazônia sendo devastada, queimadas criminosas, rompimentos de barragens por erros humanos, exploração mineral ilegal, agrotóxicos em excesso legalizados, entre outras atrocidades. Vendo que o mundo está sendo destruído sem dó nem piedade em detrimento de enriquecimento escuso, o pessoal do Válvera se cansou e não vai mais se calar perante isso. “Born In A Dead Planet” foi composta com tudo isso na mente, mostrando toda a revolta e indignação perante esse descaso não só daqueles que nos governam, como também do próprio povo que reclama mas joga lixo na rua, garrafas plásticas e etc. Confira o lyric video abaixo:

“A nossa maior riqueza é a terra que vivemos, um país onde tudo nasce, temos água, alimento, fauna e flora. Mas até quando? A gente gasta mais e destrói mais, seguimos o curso buscando a nossa extinção. Vamos deixar de herança um planeta morto”, comentou Glauber Barreto (vocal, guitarra). “A demanda por recursos naturais se tornou insustentável e exerce uma pressão tremenda sobre a biodiversidade do planeta. Em 8 meses gastamos o que deveria durar o ano todo, ou seja, gastamos mais do que o planeta pode produzir, e isso aumenta a cada dia”, comentou Rodrigo Torres (guitarra).

‘Cycle Of Disaster’, terceiro álbum do quarteto, foi gravado no Dual Noise Studio 2020, em São Paulo/SP, produzido pela banda em conjunto com o Rogério Wecko (masterização, mixagem e engenharia de som) e arte de capa pelo experiente Marcelo Vasco (Slayer, Machine Head, Metal Allegiance, Kreator). Esse trabalho vem recebendo excelentes críticas não só no Brasil como também no exterior, e a procura está sendo grande desde que a pré-venda foi anunciada em julho.

Formação:
Glauber Barreto – vocal, guitarra
Rodrigo Torrer – guitarra
Gabriel Prado – baixo
Leandro Peixoto – bateria

Loja virtual: www.valvera.lojavirtualnuvem.com.br

Links relacionados:
www.valvera.com.br
www.facebook.com/bandavalvera
www.twitter.com/valvera_oficial
www.instagram.com/valveraband
www.valvera.lojavirtualnuvem.com.br
www.facebook.com/jzpressassessoria
www.instagram.com/jzpressassessoria

(Visited 35 times, 1 visits today)