Shaman – 09-02-2020 – São Paulo (Audio)

Texto por Evanil Jr – Fotos por Leandro Cherutti – Edição por André Luiz

Emoção. Não encontro outra palavra melhor para definir o que foi o show do Shaman na Audio, no domingo, 09, em São Paulo. Foi o primeiro show desde que o maestro Andre Matos nos deixou. Logo, sabíamos que o show seria tomado de homenagens e lembranças do vocal, porém o legado continuará e o show não pode parar. Para isto, o Shaman trouxe em seus vocais o grande Alirio Netto, o qual já esteve a frente do Age Of Artemis e hoje é a voz do Queen Extravanganza.

A abertura ficou por conta da energética banda Sioux66, formada por Igor Godoi (vocal), Yohan Kisse (guitarra), Bento Melo (guitarra), Fabio Bonnies (baixo) e Gabriel Haddad (bateria), aquecendo o público com suas músicas empolgantes e uma presença de palco digna. Após a intro “Laico”, começaram o show com “Paralisia” e “Outro Lado”. A cada música, os músicos interagiam junto ao público, preparando-os para a chegada do Shaman. Após as músicas “Respostas” e “O Rei”, trouxeram para o público uma versão para “Bark At The Moon”, do Ozzy – muito bem executada, cantada pela Audio em peso. Fecharam com a música “Caos”.

Set List Sioux 66:
Laico / Paralisia
Outro Lado
Alma
Respostas
O Rei
Bark At The Moon (Ozzy cover)
Aqui Estamos
Diversão
Caos

No dado momento, um misto de sentimentos pairava na Audio, pois o Shaman estava prestes a entrar no palco. Sabia que seria um ótimo show, dado a qualidade dos músicos e a voz impressionante do Alirio, porém, André ainda fazia-se presente – com isto, algumas lágrimas já caiam, antecipando o que viria. Júnior Carelli (Foggy Films) surgiu no palco junto à Paul Martins (Rock Autoral / Kiss FM) e avisou que a primeira música seria gravada para lançamento posterior de um vídeo clipe, animando os fãs.

Em meio a “Ancient Winds”, o Shaman entrou no palco e iniciou sua performance com a faixa “Turn Away”, seguida pela clássica “Distant Thunder”. A partir dali mostrava-se que seria um show para marcar de vez o retorno do Shaman e a continuidade de tudo que já havia se feito. Após a música “Time Will Come”, executaram o cover do The Sisters Of Mercy, “More”, na roupagem dada pelo Shaman em 2005 no álbum ‘Reason’.

Em seguida, Alirio sentou-se ao piano e tocou os primeiros acordes da música “Innocence”. Se até àquele momento, alguém havia deixado de se emocionar, a partir dali já não era mais possível: música de melodia e letra forte, iniciando uma grande homenagem à Andre Matos. Alirio pediu que se interrompesse a intro da nova música, “Brand New Me”, para falar sobre o maestro e tudo o que ele havia deixado. Durante o discurso, o novo frontman do Shaman se emocionou e falou sobre a continuidade, que era com certeza o que Andre queria que fosse feito, introduzindo esta música. Aliás, uma música fantástica, demonstrando a sincronia da banda que além de Alirio Netto nos vocais, continua com a formação clássica com Hugo Mariutti (guitarra), Luis Mariutti (baixo), Ricardo Confessori (bateria) e Fabio Ribeiro (teclado).

Conforme anunciado previamente, havia um convidado também muito especial naquela noite, o violinista Marcus Viana, o qual entrou para executar a música “Fairy Tale” ao lado da banda – e o fizeram de forma sensacional. Seguindo, Alirio pendurou um conjunto de roupas no pedestal, simbolizando ali Andre Matos e dirigiu-se novamente ao piano, junto à Viana, executando o medley composto por “Living For The Night / Endeavour / No Need To Have An Answer”, músicas das várias fases do Andre em sua carreira, finalizando com “Show Must Go On”, do Queen. Marcus ainda participou das músicas “Born To Be” e “Over Your Head”, antes do encerramento da primeira parte do show com “Ritual”.

A banda deixou o palco e retornou para o bis executando “Lisbon”, do Angra, e convocando ao palco além de Marcus Viana, um outro grande convidado, o qual até àquele momento estava assistindo a apresentação no meio da galera: Bruno Sutter subiu ao palco para cantar “Pride”, música que ele cantou naquele mesmo local com o Andre, na volta do Shaman – e o fez de forma excepcional, encerrando a noite que marcava o (re)início de uma nova era da banda.

O grande público presente saiu da Audio com a certeza de um futuro fantástico para o Shaman: o legado continuando e sendo bem representado, novas músicas que continuaram a encantar os fãs, enfim… Fica registrado o desejo de sorte e tudo de bom ao Alirio Neto, um músico de talento incrível o qual deixa sua marca por onde passa e não será diferente no Shaman. Tenho certeza que fará história ao lado destes grandes músicos (agradecimentos à Free Pass).

Set List Shaman:
Ancient Winds / Turn Away
Distant Thunder
Reason
For Tomorrow
Time Will Come
More (The Sisters Of Mercy cover)
Innocence
Brand New Me
Here I Am
Iron Soul
Fairy Tale
Living For The Night / Endeavour / No Need To Have An Answer/ The Show Must Go On (Viper / Andre Matos / Virgo / Queen cover)
Born To Be
Over Your Head
Ritual

Lisbon (Angra cover)
Pride

(Visited 209 times, 2 visits today)