Suicidal Tendencies – 29-04-2017 – São Paulo (Tropical Butantã)

Texto por Ana Karoline Sousa – Fotos por Thiago Nascimento – Edição por André Luiz

Quase um ano depois de sua última apresentação no Brasil, o Suicidal Tendencies retornou ao país para três shows divulgando o último álbum de estúdio ‘World Gone Mad’ – sendo o primeiro em Recife, na sequência Rio de Janeiro e o último em São Paulo. A apresentação na capital paulista aconteceu no sábado, 29, no Tropical Butantã, em comemoração aos 02 anos do projeto HonorSounds.

A abertura da casa ficou por conta da banda brasileira Dead Fish, que subiu ao palco às 19h30m. Rodrigo (vocal), Ric (guitarra), Alyand (baixo) e Marcão (bateria) agitaram o público do Tropical Butantã, fazendo um show repleto de presença de palco com direito a muitos moshs. O show do Dead Fish durou cerca de cinquenta minutos e contou em seu repertório com faixas empolgantes como “Zero e Um”, “A Urgência”, “Sonhos”, “Venceremos”, “Sausalito”, “Queda Livre”, “Bem Vindo ao Clube”, entre outras. Os destaques na apresentação, além da performance incrível do quarteto, foram as duras críticas que Rodrigo fez ao presidente Temer e a emissora rede Globo, chamando-a de “fascista e golpista”, além de elogiar os trabalhadores que fizeram parte da greve geral que aconteceu no dia anterior (28/abr). Em outro momento do show, Rodrigo também citou que o Suicidal Tendencies foi uma banda que serviu de grande inspiração para o mesmo, já que desde a primeira vez que viu o pôster do grupo notou que eles eram latinos que fugiam do considerado padrão (pele e olhos claros, cabelo liso), e que poderia assim manter sua essência, sem necessidade de alisar os cabelos ou cantar em inglês.

Foi então a vez da atração principal da noite. Às 21h com a casa completamente lotada, Mike “Cyco Miko” Muir (vocal), Dean Pleasants (guitarra), Jeff Pogan (guitarra), Ra Diaz (baixo) e Dave Lombardo (bateria) iniciaram sua apresentação com “You Can’t Bring Me Down”, seguida por “I Shot Reagan” e “Clap Like Ozzy”. A apresentação do Suicidal Tendencies era literalmente um show de presença de palco. A banda demonstrava grande empolgação durante sua performance e sempre que possível, Mike interagia com o público, demonstrando o quanto estava feliz em retornar ao Brasil, agradecendo a presença de seus fãs fiéis.

Continuando o set list com a sequência de “Freedumb”, “Trip At The Brain” e “Get Your Fight on”, Mike Muir lembrava aos fãs durante a apresentação que o momento de viver era aquele, que a vida não é fácil, não há heróis para seguir e que temos de acreditar em nós mesmos, como disse na coletiva de imprensa que aconteceu na terça-feira (25/abr). Outro grande destaque da apresentação dos californianos do Suicidal Tendencies foi quando Mike pediu para que as meninas na platéia subissem ao palco – pedido prontamente atendido – e com o palco praticamente lotado de fãs, a banda executou as faixas “Possessed To Skate” e “I Saw Your Mommy”. As garotas interagiam o tempo todo com a banda, fazendo selfies, abraçando os integrantes e até mesmo cantando no microfone.

Além da empolgação da banda, era possível ver o quanto os fãs estavam aproveitando o show em meio a moshs cada vez maiores e violentos, além de constantemente bradar o nome da banda, até a execução do clássico “Pledge Your Allegiance”. A apresentação cheia de energia do Suicidal Tendencies foi encerrada por volta das 20h30m com o encore da faixa “Living For Life” e uma promessa de retorno breve. Agradecimentos à equipe HonorSounds não apenas pela produção do evento como também pelos dois anos de existência, além de Damaris Hoffman pelo credenciamento de nossa equipe.

Set List Suicidal Tendencies:
You Can’t Bring Me Down
I Shot Reagan
Clap Like Ozzy
Freedumb
Trip At The Brain
Get Your Fight On!
War Inside My Head
Subliminal
Send Me Your Money
Possessed To Skate
I Saw Your Mommy
Cyco Vision
How Will I Laugh Tomorrow
Pledge Your Allegiance

Living For Life

(Visited 37 times, 1 visits today)