YES: morre baixista Cris Squire aos 67 anos

Chris Squire Yes

Texto por Arony Martins – o conteúdo expresso reflete a opinião do autor, é de inteira responsabilidade deste
Foto por divulgação

Domingo, 28 de junho de 2015, uma data que será lembrada com tristeza e saudade. Cris Squire, fundador do YES, também vencedor do Grammy Awards nos deixou. Após batalha contra uma rara forma de câncer, fomos acordados com esta triste notícia. Cris foi diagnosticado com leucemia linfoide aguda em maio desse ano e não teve tempo sequer de se despedir dos palcos. O baixista faleceu na cidade de Phoenix, Arizona, “nos braços de sua amanda esposa Scotty” segundo a banda em seu perfil no Facebook. Após o anúncio, membros da banda se pronunciaram lançando uma nota na qual dizem que “é com o mais dos pesados corações e tristeza insuportável que devemos informá-los sobre o falecimento do nosso querido amigo Cris Squire”. Segundo o site Blabbermouth.net, o atual tecladista da banda Geoff Downes se diz “totalmente devastado” diante do anúncio do falecimento de seu querido amigo, companheiro de banda e inspiração.

Christopher Russell Edward Squire, mais conhecido como Chris Squire, nasceu em Londres dia 04 de março de 1948. Foi o único membro que participou de todas as formações do YES. Seu estilo era único, tendo sido uma das maiores referências e influências para baixistas mundo a fora. Melódico, dinâmico e com um timbre inconfundível, Squire usou caracteristicamente, ao longo de sua carreira, o baixo Rickenbacker 4001, que tornou sua grande marca.

Além de seu vasto trabalho com o Yes, Cris Squire também gravou trabalhos com outros grupos tais como o Conspiracy, Squackett (em parceria com seu grande amigo Steve Hackett), The Syn e três álbuns solos: ‘Fish Out Of Water’ de 1975 que atingiu a posição 25 da parada britânica, ‘Run With The Fox’ em parceria com o baterista Alan White em 1981 e ‘Chris Squire’s Swiss Choir’ de 2007. Seu último trabalho em estúdio com o Yes foi ‘Heaven & Earth’ de 2014.

Se a tristeza é grande neste momento, o que nos conforta é saber que Cris Squire deixou um grande legado para as gerações futuras e aos amantes da boa música e que pode e deve ser sempre conferido em um grandioso catálogo. Foram mais de 40 anos dedicados à belas composições do Rock Progressivo ao Rock mais simples e radiofônico. Com a excelente qualidade de sempre. Pra sempre Cris Squire.

(Visited 41 times, 1 visits today)